Educação

Após 60 minutos o treino é eficiente?

Após 60 minutos o treino é eficiente?

Após 60 minutos o treino é eficiente?

"Se o seu treino dura mais que uma hora, você está fazendo amigos, não construindo massa e força" Charles Poliquin

 

Você treina ou faz amigos? Essa pergunta deve fazer parte da sua rotina e pautar o seu desempenho na academia, no ginásio e qualquer outro ambiente dedicado aos treinos de alta performance.

Anos atrás, eu tive a oportunidade de estagiar ao lado de Charles Poliquin, treinador, preparador físico e autor de diferentes best seller dedicado à preparação física. Em Londres, na Inglaterra, fiquei próximo dele e da sua rotina de treinamentos. Entre tantos ensinamentos valiosos, um me acompanha até hoje.

Are you training or making friends?

Ele fazia essa pergunta com frequência, “você está treinando ou fazendo amigos?”, e partia desse questionamento para falar sobre o tempo ideal do treino. Ashley Jones, preparador físico premiado e professor na Witwatersrand University, conta que Poliquin fazia esse questionamento já na década de 80.

“Se seu treino leva mais de uma hora, você está fazendo amigos, não construindo tamanho e força”, dizia o vanguardista treinador e preparador nos seminários e eventos que participava à época.

Quando ouvi essa frase pela primeira vez e no contexto atual, logo imaginei que fosse uma crítica aos telefones e papos nas academias. Contudo, percebi em seguida que a frase era muito mais complexa do que a piada momentânea. Irreverente como era, Poliquin provoca uma reflexão importante sobre o tempo ideal do treino.

A partir dessa experiência junto ao lendário Charles Poliquin, passei a observar os bastidores dos treinamentos. Nisso, notei que 60 minutos é o tempo ideal para ser produtivo durante a rotina de exercícios.

Os níveis de testosterona correm frequentemente até os 50 primeiros minutos após o início do treino. Em paralelo, o cortisol costuma aumentar bastante após os 50 minutos iniciais dos exercícios. Portanto, uma rotina baseada em aquecimento, treinamento e atenção aos resultados podem e deveriam ser concluídos em 60 minutos.

Parafraseando Poliquin, você está treinando ou fazendo amigos?

Caso você queira treinar, a alternativa é criar uma rotina baseada em aquecimento, resultados e tempo. Quando bem feito, tudo isso não leva mais do que 60 minutos, como observo e noto em meus treinamentos.

Sem dúvida, o primeiro passo é abdicar do celular e do bate papo. Se o foco é treinamento, a sessão precisa ser regrada, planejada e ordenada. Com o passar dos dias, você nota que o tempo do treinamento cai e, consequentemente, os resultados desejados enfim são alcançados.

Porém, caso você queira simplesmente fazer amigos, tudo bem também, mas tenho fé que, se você está interessado em resultados e performance, o seu foco não é esse!


Fábio Jesus
Educador físico e fundador da Feet of Tomorrow

Continuar lendo

O poder da massagem: como movimentos simples curam dos pés à cabeça
A favor de mais barras!

Deixar comentário

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.